15 maio 2014

TEMPO DE COMPARTILHAR - JUNHO 2014

Ao final de cada semana tem o arquivo completo em PDF, que pode ser baixado clicando no link.
E ao fim do post pode-se encontrar mais alguns recursos, como desenhos para colorir, etc...


As Ordenanças do Sacerdócio e o Trabalho do Templo Abençoam Minha Família

Semana 1: As ordenanças do sacerdócio abençoam e fortalecem minha família.
Música: Eu gosto de ver o Templo (MC, 99 ) ou As Famílias Poderão ser Eternas (MC, 98)
Escritura: Alma 13:8
Lição: O Poder e Autoridade de Deus

Desde a época de Adão, as pessoas se afastaram do evangelho. Eles se afastaram sem pensar e sem se importar no quão difícil foi para os profetas que tentaram ensinar-lhes sobre o amor do Pai Celestial e Jesus Cristo e sobre Seu desejo para nós, de viver com eles e desfrutar de tudo o que eles têm para nós na eternidade.
Em cada período de tempo houve pelo menos um profeta na Terra, esses períodos são chamados de dispensações. Os profetas de cada dispensação tiveram o poder e autoridade de Deus, conhecido como o sacerdócio, para ajudá-los a testemunhar de Jesus Cristo e de Seu evangelho e realizar as ordenanças necessárias para que as pessoas retornassem a Ele e ao Pai Celestial .
A primeira dessas importantes ordenanças é o batismo. Na nossa dispensação, conhecido como a última dispensação, ou a dispensação da plenitude dos tempos, o Profeta Joseph Smith aprendeu sobre o sacerdócio, quando ele estava traduzindo o Livro de Mórmon.
Em maio de 1829, ele e Oliver Cowdery, que estava escrevendo o que o Profeta traduzia, queriam saber mais sobre o batismo para a remissão dos pecados, mencionado nas placas de ouro. Eles entraram em um bosque e oraram sobre isso. Enquanto oravam, João Batista apareceu para eles e os ordenou no Sacerdócio de Aarão (Sacerdócio Aarônico). Ele lhes disse para batizarem um ao outro, então para ordenar um ao outro ao Sacerdócio Aarônico. João Batista os ordenou "Em nome do Messias". Ele disse-lhes que este sacerdócio continha as chaves do ministério de anjos e do evangelho do arrependimento e do batismo por imersão para a remissão dos pecados. Ele também disse que jamais seria tirado da terra novamente. Ele os explicou que ele agia sob a direção dos antigos Apóstolos Pedro, Tiago e João, e que logo viriam para ordenar Joseph e Oliver ao Sacerdócio de Melquisedeque.
Mais tarde, naquela primavera, Joseph Smith e Oliver Cowdery foram ordenados ao Sacerdócio de Melquisedeque,mo sacerdócio que o Salvador possui. Depois, em 3 de abril de 1836, depois de tomar o sacramento, Joseph e Oliver foram visitados por Moisés, Elias e Elias, que conferiu (deu) as chaves do sacerdócio concernentes ao reino de Deus na terra. Desde o Profeta Joseph Smith, cada Presidente da Igreja possui todas as chaves do sacerdócio para as ordenanças que as pessoas precisam para voltar ao Pai Celestial e Jesus Cristo. Estas chaves são delegadas aos portadores dignos do sacerdócio, para realizar as ordenanças necessárias, como o batismo e o recebimento do dom do Espírito Santo .

Abaixo algumas atividade que podem ser usadas e adaptadas segundo as necessidades da primária de sua ala:

Atividade 1: Sacerdócio, o Poder e Autoridade de Deus - Recorte as peças e entregue para as crianças (pode ser um envelope para cada uma ou uma peça para cada uma, para que seja montada na classe), então enquanto monta, pode explicar sobre cada ofício do sacerdócio e sua importância.



Atividade 2: Página para colorir - Batismo





Semana 2: Os templos tornam possível que as famílias fiquem juntas para sempre.
Música: Eu gosto de ver o Templo (MC, 99 ) ou As Famílias Poderão ser Eternas (MC, 98)
Escritura: Mateus 16:19
Lição: O Templo Abençoa Minha Família

No batismo, fazemos convênios com o Pai Celestial de obedecer a Seus mandamentos. Se mantivermos estes convênios, um dia poderemos entrar no templo para fazer mais convênios e participar de ordenanças sagradas (cerimônias especiais com significado espiritual), e receber ainda mais bênçãos.
As ordenanças do templo tornam uma família eterna. Através de selamento no templo, famílias inteiras - irmãos, irmãs, mães, pais, avós, bisavós e outros ancestrais podem estar juntos para sempre.
Você pode se preparar agora vivendo em retidão, aprendendo e fazendo sua história da família. Então quando completar 12 anos, você pode ir ao templo e ser batizado por seus antepassados, ajudando a conectá-los à sua família eterna.
Você também pode se preparar para ter sua própria família eterna, tratando uns aos outros com amor e bondade.
O apóstolo Robert D. Hales, do Quórum dos Doze Apóstolos, disse: "Para receber as bênçãos do selamento, que nosso Pai Celestial nos deu , temos que guardar os mandamentos e nos comportarmos de tal forma que nossas famílias vão querer viver conosco nas eternidades "

Abaixo algumas atividade que podem ser usadas e adaptadas segundo as necessidades da primária de sua ala:

Atividade 1: O Templo Abençoa Minha Família - Recortar o mobili e montar, de maneira que o Templo fique em cima (como no modelo) e a família fique conectada, logo abaixo.
Nos espaços pode ser colada uma foto de cada membro da família ou pode-se fazer um desenho daquele membro da família correspondente.



Atividade 2: Página para colorir - O Templo



Atividade 3: Os Vários Templos - No espaço em branco a criança desenha o templo da sua cidade, então depois pode colorir todo o desenho.





Semana 3: Posso preparar-me agora para ser digno de entrar no templo.
Música: Eu gosto de ver o Templo (MC, 99 ) ou As Famílias Poderão ser Eternas (MC, 98)
Escritura: D&C 124:40
Lição: Vou preparar-me desde já para no Templo entrar.

Templos são uma bênção para você e para sua família. Há mais de 120 templos em todo o mundo. Você sabe o nome do templo mais próximo de você? Há uma imagem de um templo em sua casa? Tem alguém na sua família já foi ao templo para fazer convênios sagrados ?
O hino da Primária " Eu Gosto de Ver o Templo" ( Músicas para Crianças, 99) ensina que o templo é "A casa do Senhor, um lugar santificado, de amor e beleza". Ele também ensina que o templo é " um lugar sagrado onde somos selados". A próxima vez que você cantar essa música, preste atenção nas palavras " "Ali eu hei de entrar".
Esta é uma promessa que você está fazendo a si mesmo e ao Pai Celestial que você vai ser digno de entrar em Sua santa casa .
Então comece a se preparar desde já, para poder cumprir a sua promessa.


Abaixo algumas atividade que podem ser usadas e adaptadas segundo as necessidades da primária de sua ala:

Atividade 1: O Templo Abençoa Minha Família - Recorte as partes do templo, nas linhas pontilhadas e monte a figura, que pode ser montada e colada sobre uma folha ou cartolina, se desejar.



Atividade 2: Chegar ao Templo - Fazendo o certo, chegarei ao Templo.



Atividade 3: Ali eu Hei de Entrar - Recorte o templo, nas linhas constantes, depois dobre nas linhas pontilhadas e cole, formando uma caixinha atrás do templo. Recorte também os cartões de "o que vou fazer". Tais cartões serão usados para refletir sobre o que é necessário melhorar/fazer, para estar mais preparado para entrar no templo, então pode-se colocar um cartão por semana (o qual deseja melhorar naquele determinado aspecto) e esforçar-se por fazê-lo ou pode-se deixar todos os cartões na caixinha e lê-los sempre, para lembrar do que preciso fazer para estar melhor preparado para entrar no templo.



Atividade 4: Para Colorir - Ali eu Hei de Entrar






Semana 4: O trabalho de história da família me conecta a meus antepassados.
Música: Eu gosto de ver o Templo (MC, 99 ) ou As Famílias Poderão ser Eternas (MC, 98)
Escritura: Malaquias 4:6
Lição: Servir através de Templo no Trabalho

Malaquias ensinou que o coração dos filhos seria voltado para seus pais (Mal 4:6). Em nossos dias, sua profecia está sendo cumprida. Ambos, membros e não membros da Igreja fazem história de família. Não membros normalmente trabalham na pesquisa e os membros da Igreja pesquisam e também realizam as ordenanças do templo por seus antepassados.
Quando encontramos os nomes de nossos antepassados e fazemos suas ordenanças no templo, estamos servindo a eles. Às vezes, o Espírito testifica que os nossos antepassados sabem o que temos feito por eles e que eles são gratos, às vezes o Espírito Santo nos permite saber que estamos recebendo ajuda de além do véu.
O Élder John A. Widtsoe , um ex-membro do Quórum dos Doze Apóstolos, disse que "aqueles que se entregam com toda a sua força a esse trabalho, recebem ajuda do outro lado. Quem procura ajudar aqueles que estão do outro lado recebem sua ajuda em troca".
O trabalho de história da família é edificante porque aprendemos sobre nossos antepassados, nos achegamos a eles e aprendemos a amá-los, nós compreendemos que eles são realmente uma parte da nossa família eterna, que eles nos conhecem e nos amam.
J. Richard Clarke , ex-membro dos Setenta, disse: " Através da história da família , descobrimos a mais bela árvore na floresta da criação: a nossa árvore genealógica. A história da família é um símbolo de amor eterno. Ela nasce de altruísmo. Ele oferece oportunidade para garantir a união da família para sempre."
Mesmo que não possamos entrar no templo, podemos começar a trabalhar em nossa história da família, aprender sobre nossos antepassados e amá-los. Nós podemos servir os outros, mantendo nossos diários e álbuns de recortes .
Assim como gostamos de descobrir sobre os nossos antepassados, nossas famílias futuras vão querer saber mais sobre nós também.

Abaixo algumas atividade que podem ser usadas e adaptadas segundo as necessidades da primária de sua ala:

Atividade 1: Servir através do Trabalho no Templo - Cortar a pia batismal e cada uma das cabeças de bois. Para que a fonte fique firme, dobre os corpos bois nas linhas pontilhadas. Em seguida, cole um cabeça de boi para cada corpo. Se quiser, pode colar numa cartolina antes de recortar, para que fique mais firme.



Atividade 2: Montando Minha Árvore Genealógica - Recorte as folha e escreva em cada uma o nome de um dos seus familiares, pais, irmãos, avós, bisavós (Pode ser necessário desenhar e cortar mais folhas). Cole as folhas na árvore, de maneira que crie sua árvore genealógica.


Atividade 3: Para Colorir - O Profeta Elias




Outros Recursos...


















Atividade do Esboço - Terceiro Domingo

Enquanto toca “Eu Gosto de Ver o Templo”, peça às crianças que passem os desenhos umas as outras. Quando a música parar, peça às crianças que estão segurando os desenhos que digam uma coisa que podem fazer com aquela parte do corpo para se preparar para ir ao templo (por exemplo, com a boca elas podem orar, falar com gentileza e dizer a verdade). Repita a atividade tantas vezes quanto o tempo permitir.






Postar um comentário